segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

O que são Supernovas?

Supernovas são estágios finais da evolução estelar. Uma supernova é um acontecimento no espaço-tempo e, como tal, é preciso que o cone de luz desse acontecimento esteja no cone de luz do passado do observador para que seja observável por esse observador hoje.
A explosão de uma estrela como supernova liberta tanta energia quanto todas as outras estrelas de sua galáxia. Este evento, no extremo de sua luminosidade, é cerca de 10^10 vezes mais brilhante que o Sol. Como uma galáxia ''pequena'' tem em média 10^11 estrelas, o seu brilho rivaliza com o da própria galáxia onde ocorre o acontecimento da supernova.
Há registros de supernovas que possivelmente ocorreram na nossa galáxia nos últimos 2000 anos, mas alguns são duvidosos. Podemos saber se esses registros são de supernovas, consoante à descrição do objeto deixado pelas civilizações que a observaram, através da procura de seus remanescentes. 
Denominamos remanescentes de uma supernova às nuvens gasosas que podem ser observadas como resultado da injeção no meio interestelar do material da estrela que é expelido na sua explosão.
Há supernovas que podem deixar nebulosas coloridas (gás espacial), buracos negros ou simplesmente desaparecer sem deixar rastros.
Nebulosa do Caranguejo (Crab Nebula), uma remanescente de uma supernova.

2 comentários:

  1. Olá, Bianca!!!!

    Achei extraordinária esta foto!!! Foi muita energia liberada aqui e esse colorido se for o verdadeiro podemos compará-lo com as joias aqui na Terra, safira, água-marinha esmeralda ou topázio, enfim... cristais!!!

    Falando do seu blog, vc faz como as supernovas, difícil de acontecer mas, belo de se ver!!! Mas, é o seu ritmo, pode continuar assim e o importante é não deixar de renovar!!!!

    UM abraço!!!!!

    ResponderExcluir
  2. Olá! Não estou com tempo de postar por causa dos estudos...vou fazer ENEM esse ano! Mas postarei mais coisas assim que possível! Abraços

    ResponderExcluir